Autor Tópico: Motos Importadas  (Lida 11194 vezes)

Dezembro 21, 2017, 22:41:59, 22:41
Lida 11194 vezes

Velasquez

  • Visitante
Reparei que faltava cá isto pelo fórum.

Legalizar uma mota importada exige paciência e disponibilidade mas acaba por ser vantajoso em muitos casos.

Como legalizar uma moto importada?
[/size]


upload pic



Os passos a tomar para legalizar uma moto são:
-Primeiro deve escolher a moto, recolher dados do vendedor e da viatura (chassis, motor, registo, marca, modelo) e confirmar ausência de financiamentos pendentes à moto.
Depois preparar uma declaração de venda (que contenha nome e morada de ambas as partes, características do veículo, número de quadro e matrícula e a assinatura de ambas as partes) acordada com o vendedor e levar duas cópias.

Caso pretenda vir para Portugal na moto, necessita de tratar do seguro temporário para a matrícula original junto de um mediador de seguros.

Pedir ao vendedor que consiga o COC (Certificate of Conformity, que só existe para veículos após 2000, os anteriores necessitam de realizar um ensaio de ruído) junto do concessionário onde comprou a moto, e que este tenha consigo cópias dos documentos de identificação (passaporte ou Cartão do Cidadão, dependendo do país).

Depois da conclusão do negócio deve trazer consigo: moto, com chaves e token, livro de serviço da moto e manual se possível, COC, documento único/título de registo da viatura, declaração de venda assinada por ambos.

Se a garantia ainda estiver a decorrer, traga a transmissão de garantia assinada pelo antigo proprietário, que recebe o pagamento e uma declaração de venda assinada por ambos e que notifica a venda do motociclo à entidade de registo no seu país.

Se a moto for adquirida num stand a fatura comercial substitui a declaração de venda.
Em Portugal o processo de legalização decorre da seguinte forma
Preencha 2 impressos Modelo 9 do IMTT e apresente-os juntamente com a declaração de venda e do documento único num representante oficial da marca, para pedir o Certificado de Homologação no IMTT.

Dirija-se à Alfândega com o processo e número de homologação, levando cópias de todos os documentos. É aqui que se declara a entrada da mota em território português, sendo a Alfândega que atribuí a matrícula.

Compre e preencha a Declaração Aduaneira de Veículo (DAV).

Necessita ainda de:
Homologação Técnica Nacional do Veículo ( o Modelo 9 do IMTT que precisa de ser carimbado e assinado pelo importador da Marca)
Documento único/ título de registo de propriedade do veículo
Declaração de Venda (ou fatura se foi adquirida a um stand)
Cartão de contribuinte
Bilhete de Identidade/cartão do cidadão
Documento de transporte da moto caso ela tenha entrado em território nacional por transporte
Procuração e fotocópias do B.I. e contribuinte do procurador caso não seja o próprio a dirigir-se à Alfândega.
COC (caso não o tenha pedido na altura da compra terá de o fazer numa das entidades certificadas pelo IMTT)
Documento comprovativo de medição CO2 (inspeção sugerida realizar-se no Lab. Nacional de Engenharia Civil ou no LTA, de Braga).
Pague o Imposto Sobre Veículo (ISV) na Tesouraria da Alfândega.
Um ou dois dias úteis depois dirija-se novamente à Alfândega para saber qual a matrícula atribuída.
Com a DAV vá a uma loja para gravar a matrícula e a colocar na moto. A circulação com o documento da Alfândega é legal durante 60 dias.
Regresse ao IMTT para concluir o processo e emitir o Certificado de Matrícula. Leve consigo: certificado do teste sonoro, os 2 impressos Modelo 9 completamente preenchidos, carimbados e assinados pelo importador, fotocópias do B.I. e contribuinte e livrete original.
Terá que esperar por uma carta do IMTT a marcar uma inspeção à mota (efetuada num centro de inspeções normal por um técnico do IMTT).
Volvidos uns dois dias úteis desloque-se ao Instituto de Registos e Notariado para solicitar a emissão do Documento Único Automóvel (DUA) com o impresso de Requerimento de Registo Automóvel preenchido e assinado, fotocópias do B.I. e contribuinte.
Por fim pague o IUC (Imposto Único de Circulação)


Legalizar uma moto tem os seus custos. Deve somar todas as despesas e constatar se é lucrativo ou não importar a sua moto.

Os custos:

*O COC custa 150€.
*O pedido de certificação homologação ronda os 100€.
*O ensaio de CO2 custa 165€.
*Certificado de matricula: 33€
*Solicitar a emissão do DUA: 50€

Já o ISV pode simular o pagamento online.
Há acerto de impostos para viaturas oriundas de fora do espaço Schengen.

Fonte: Economias.pt
« Última modificação: Dezembro 21, 2017, 22:51:22, 22:51 por Velasquez »

Dezembro 21, 2017, 23:17:12, 23:17
Responder #1

carlos-kb

  • Visitante
Muito recentemente (Julho passado), o meu irmão que estava a trabalhar na Suiça, regressou de vez a Portugal. E uma das coisas que lá tinha e das quais não se quis desfazer foi da sua Hornet "personalizada".

Aqui as duas asinhas de franga albinas juntas... num passeio que demos o mês passado.



Mas voltando ao assunto do topico... Então decidiu trazê-la também quando retornou. Ainda andou com ela uns tempos com matrícula Suiça e começou a pesquisar o que fazer, como fazer e custos para a legalizar... e depois de algumas contas e pensando nas várias "capelinhas" que ia ter de bater, perdendo também tempo, decidiu ir a uma agência de documentação. Com a papelada em ordem, COC, documentos da dita, etc... pediram-lhe 400 euros pela legalização, ao que ele prontamente preferiu. Passado alguns dias (não muitos até) foi contactado, pois já tinha o certificado para pedir a emissão de matrícula... só teve depois de mandar fazer a chapa e pagar mais a emissão do DUA.

Neste momento a mota está completamente legalizada, com matrícula e DUA português. Não teve nenhuma chatice, tempos de espera infinitos (até porque estas agências têm prioridade e os processos para eles são agilizados), andar a correr de balcão em balcão a "apalpar" o que fazer a seguir, etc... e ainda assim não ficou tão mais caro do que pagaria se fosse ele a tratar de tudo.

Fica a dica!

Dezembro 21, 2017, 23:26:12, 23:26
Responder #2

Luis Salgueiro

  • Motociclista: 4 estrelas ❇❇❇❇

  • Offline
  • ****

  • 1519
  • Marca Motociclo: Honda
  • Modelo Motociclo: VFR800 X
  • Localidade: Sobral de Monte Agraço
Muito recentemente (Julho passado), o meu irmão que estava a trabalhar na Suiça, regressou de vez a Portugal. E uma das coisas que lá tinha e das quais não se quis desfazer foi da sua Hornet "personalizada".

Aqui as duas asinhas de franga albinas juntas... num passeio que demos o mês passado.




Duas 'asinhas de franga' que voam baixinho ... mas voam ! Até a árvore está de lado a abanar com a deslocação do ar após a travagem !  :D

Dezembro 22, 2017, 00:22:35, 00:22
Responder #3

Sapiens21

  • Motociclista: 5 estrelas ❇❇❇❇❇

  • Offline
  • *****

  • 13980
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Texto Pessoal
    Queira o bem. Faça o bem. O resto vem...
Carlos,

€400 apenas??  :???:

Tens conhecimento se esse valor é fixo, ou se estará escalonado por cilindrada??

Acho esse valor muitíssimo bom e confesso que há dias estive a ver "umas coisas" num site estrangeiro (UE).  :corado:

_______________________________

Oh Velásquez....belo tópico, hem.  :nice:
"Pouco importa o julgamento dos outros. Os seres humanos são tão contraditórios que é impossível atender às suas demandas para satisfazê-los.
Tenha em mente simplesmente ser autêntico e verdadeiro."

Dalai Lama

Dezembro 22, 2017, 10:09:36, 10:09
Responder #4

JViegas

  • Motociclista: 4 estrelas ❇❇❇❇

  • Offline
  • ****

  • 2394
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
Desconhecia os trâmites.

A carrada de procedimentos para a importação pode ser para o comum cidadão uma enorme carga de trabalhos.

A opção por recorrer a uma empresa de registos e notariado é talvez a forma mais rápida e cómoda. Diz-se que no IMTT se perdem horas (se bem que já se podem tratar de imensos assuntos on-line ou em lojas municipais/cidadão) para tratar de diversos assuntos.

Penso que mais complicado do que esta papelada toda a tratar será encontrar um vendedor no estrangeiro (particular/stand) que venda uma mota "à confiança". É claro que num stand da marca e/ou com garantia da mesma sempre se acautela alguma coisa.

A importar por exemplo só se for muito mais barato (atendendo à despesa de legalização) ou uma marca que não é representada em Portugal. Olhem por exemplo uma Norton:

http://www.nortonmotorcycles.com/bikes/norton-dominator.html 


Dezembro 23, 2017, 10:44:29, 10:44
Responder #5

Moto2cool

  • Motociclista: 4 estrelas ❇❇❇❇

  • Offline
  • ****

  • 3623
Excelente iniciativa disponibilizar esta informação. :)
Com tópicos como este o CPMoto ainda vai ter subvenção por prestar serviço público ;)
Spritmonitor.de" border="0 Suzuki VStrom 650
"Viver a vida não é esperar que a tempestade passe, é aprender a andar à chuva"

Dezembro 23, 2017, 18:24:45, 18:24
Responder #6

Sapiens21

  • Motociclista: 5 estrelas ❇❇❇❇❇

  • Offline
  • *****

  • 13980
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Texto Pessoal
    Queira o bem. Faça o bem. O resto vem...
Dicas importantes de quem percebe mesmo do assunto.

Muito bem.  :nice:
"Pouco importa o julgamento dos outros. Os seres humanos são tão contraditórios que é impossível atender às suas demandas para satisfazê-los.
Tenha em mente simplesmente ser autêntico e verdadeiro."

Dalai Lama

Dezembro 23, 2017, 19:34:30, 19:34
Responder #7

carlos-kb

  • Visitante
Carlos,

€400 apenas??  :???:

Tens conhecimento se esse valor é fixo, ou se estará escalonado por cilindrada??

Acho esse valor muitíssimo bom e confesso que há dias estive a ver "umas coisas" num site estrangeiro (UE).  :corado:

Boas...

Por acaso voltei a perguntar-lhe ontem a propósito deste tópico. Então o valor que ele pagou foi mesmo e mais precisamente, de 450 euros. Mas este valor é variável (convém pedir orçamento prévio) e dependerá também se depois a moto ainda estará sujeita a pagamento de ISV ou IVA (que não era o caso dele, apesar de a moto ter vindo da Suiça). Ele trouxe o COC de lá, e como é um modelo também homologado cá, nem sequer teve de fazer nenhuma Inspecção B, para verificação ou medição do que quer que seja.

O processo levou sensivelmente entre 3 a 4 semanas, até ele ser contactado que já tinham o certificado para pedido e emissão de matrícula portuguesa.
Ele também me disse o nome da Agência, (da qual não fixei o nome), mas que fica na Rua da Madalena, em Lisboa.

Julho 25, 2018, 15:12:59, 15:12
Responder #8

Clemente Vicente

  • Motociclista: 4 estrelas ❇❇❇❇

  • Offline
  • ****

  • 1770
  • Marca Motociclo: Honda
  • Modelo Motociclo: Integra 750
  • Localidade: Lisboa


então é este o tópico da importação........

após algum tempo este tópico sem actividade, pergunto se alguém já importou sem ter que se deslocar ao estrangeiro

 :convivio:

Julho 25, 2018, 15:26:21, 15:26
Responder #9

Clemente Vicente

  • Motociclista: 4 estrelas ❇❇❇❇

  • Offline
  • ****

  • 1770
  • Marca Motociclo: Honda
  • Modelo Motociclo: Integra 750
  • Localidade: Lisboa


então é este o tópico da importação........

após algum tempo este tópico sem actividade, pergunto se alguém já importou sem ter que se deslocar ao estrangeiro

 :convivio:

Também ando a pensar nisso Clemente...não és o único


É fácil....vamos dar trabalho ao TMaxer   :lolol: ele diz que faz por 400 paus....

 :convivio:
« Última modificação: Julho 25, 2018, 15:28:44, 15:28 por Clemente Vicente »

Julho 25, 2018, 15:32:20, 15:32
Responder #10

Clemente Vicente

  • Motociclista: 4 estrelas ❇❇❇❇

  • Offline
  • ****

  • 1770
  • Marca Motociclo: Honda
  • Modelo Motociclo: Integra 750
  • Localidade: Lisboa


então é este o tópico da importação........

após algum tempo este tópico sem actividade, pergunto se alguém já importou sem ter que se deslocar ao estrangeiro

 :convivio:

Também ando a pensar nisso Clemente...não és o único


É fácil....vamos dar trabalho ao TMaxer   :lolol: ele diz que faz por 400 paus....

 :convivio:

Vou, certamente, entrar em contacto com ele...o meu problema é chegar até quem vende...

Há uns dias enviei msg no eBay é nada por exemplo...:(

 :convivio:

pois olha eu desde ontem tenho falado com vários vendedores na Alemanha, nem que só seja para ir aprendendo....porque é um longo caminho por diversas razões.

Aqui, https://www.mobile.de/park?lang=de

 :convivio:

Janeiro 07, 2019, 14:32:31, 14:32
Responder #11

gf1

  • Motociclista: 1 estrela ❇

  • Offline
  • *

  • 4
  • Marca Motociclo: HD
  • Modelo Motociclo: XLH883
  • Localidade: Cascais
Boas  :bandeiraportugal:

Estou com ideia de importar uma moto bem americana para Portugal e queria saber se me ajudavam.

Ando à procura de uma moto com:
mais de 10 anos
que custe menos de 6000€
e com mais de 750cc de cilindrada

Pelo site das finanças calculei-o ISV e resultou me um valor inferior a 500€ mas alem do preço para transportar a mota para cá e do ISV com que outros custo me tenho de preocupar?

Muito Obrigado pela atenção
Uma boas voltas e passeios a todos

Janeiro 07, 2019, 15:18:47, 15:18
Responder #12

Nhokas

  • Motociclista: 2 estrelas ❇❇

  • Offline
  • **

  • 115
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Marca Motociclo: Vespa
  • Modelo Motociclo: GTV Sei Giorni
  • Localidade: Lisboa
Custos de importação de moto:
Pelo que sei, estou a passar pelo mesmo processo, os custos finais englobam:
No caso de mota usada (tem de ter mais de 6 meses após a data da primeira matricula e mais de 6000kms) partindo do principio que a mota é importada de um pais parte da UE e que um dos documentos é o COC (certificado de conformidade)
Valor da moto + valor transporte + valor de ISV e IUC + valor te taxas IMT (45€) + valor a pagar no IRN  que ronda os 55€
No caso de uma moto importada fora da UE, aos valores acima indicados acresce o IVA de 23% (que incide sobre o total da operação moto+transporte) e taxas de importação (esse valor já não sei qual será mas ja dei algures por ai, com um simulador para isso).
No caso de a mota a importar ser nova ou ter menos de 6 meses de matricula ou ter menos de 6000kms também paga IVA.

« Última modificação: Janeiro 07, 2019, 15:22:14, 15:22 por Nhokas »

Janeiro 07, 2019, 16:03:38, 16:03
Responder #13

gf1

  • Motociclista: 1 estrela ❇

  • Offline
  • *

  • 4
  • Marca Motociclo: HD
  • Modelo Motociclo: XLH883
  • Localidade: Cascais
Custos de importação de moto:
Pelo que sei, estou a passar pelo mesmo processo, os custos finais englobam:


Ok então se mandar vir a mota dos EUA, também tenho de pagar o IVA, muito obrigado

Janeiro 07, 2019, 18:46:40, 18:46
Responder #14

Sapiens21

  • Motociclista: 5 estrelas ❇❇❇❇❇

  • Offline
  • *****

  • 13980
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Texto Pessoal
    Queira o bem. Faça o bem. O resto vem...
Tens um pouco mais acima neste tópico uma explicação muito concreta e detalhada.

Tanto a questão do seguro, como o processo da importação, como o procedimento a seguir no IMTT ou mesmo os valores de ISV a pagar. :)
"Pouco importa o julgamento dos outros. Os seres humanos são tão contraditórios que é impossível atender às suas demandas para satisfazê-los.
Tenha em mente simplesmente ser autêntico e verdadeiro."

Dalai Lama

Janeiro 07, 2019, 19:19:43, 19:19
Responder #15

Nhokas

  • Motociclista: 2 estrelas ❇❇

  • Offline
  • **

  • 115
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Marca Motociclo: Vespa
  • Modelo Motociclo: GTV Sei Giorni
  • Localidade: Lisboa
Custos de importação de moto:
Pelo que sei, estou a passar pelo mesmo processo, os custos finais englobam:


Ok então se mandar vir a mota dos EUA, também tenho de pagar o IVA, muito obrigado

O IVA e taxas de importação pois trata-se de um veiculo de fora da UE... Além do mais, pode nem sequer estar homologado, ou mesmo estando não ter o COC (que penso ser apenas para veículos vendidos dentro da UE) o que te obrigaria a um processo bem mais complicado de homolgação.

Janeiro 09, 2019, 13:20:49, 13:20
Responder #16

gf1

  • Motociclista: 1 estrela ❇

  • Offline
  • *

  • 4
  • Marca Motociclo: HD
  • Modelo Motociclo: XLH883
  • Localidade: Cascais
Boas,
Eu tenho aqui uma dúvida.
Eu vou comprar uma moto de 5000$ nas EUA, com mais de 10 anos, mais de 750 cc e mais de 6000 km.
Pago 1000$ de transporte.
Depois pelo que percebi tenho de adicionar o IVA a isto, ou seja 6000$*1.23=7380$.
A minha duvida é, que outras despesas posso ter e qual o seu valor
Para saber quanto me vai custar a moto no final

Cumprimentos

Janeiro 09, 2019, 15:26:26, 15:26
Responder #17

Nhokas

  • Motociclista: 2 estrelas ❇❇

  • Offline
  • **

  • 115
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Marca Motociclo: Vespa
  • Modelo Motociclo: GTV Sei Giorni
  • Localidade: Lisboa
Se importado fora da UE paga:

10% de direitos aduaneiros sobre o valor da compra + ISV + IVA sobre a soma dos direitos aduaneiros, ISV e valor de compra
Importado de um país dentro da UE: não paga IVA ou direitos aduaneiros mas paga ISV

Nesse caso: 1.000cm3 com custo de 6000€ e 12 anos.

Dos EUA ou outro pais fora da UE: Direitos aduaneiros 600€ + 44,2€ ISV + 1528€ IVA = 2172,2€ (só de impostos)

No valor total a pagar serão então os 6000 + 2172,2€ = 8172,2€

Para despesas diversas (taxas IMTT, fazer a matricula IRN etc) cerca de 150€

Alem disso convém saber se a moto tem COC (ler mais acima no caso de não saber o que é). Se não tiver, tem de ir a uma inspeção cujo o custo já não sei dizer.
« Última modificação: Janeiro 09, 2019, 15:28:02, 15:28 por Nhokas »

Junho 08, 2019, 01:39:43, 01:39
Responder #18

jonibravo_69

  • Motociclista: 1 estrela ❇

  • Offline
  • *

  • 2
  • Marca Motociclo: ducati
  • Modelo Motociclo: 1098
  • Localidade: 159-Viseu

Boas,

Estou a ponderar importar moto da Alemanha e li aqui um assunto que não me tinha ocorrido, que é o facto de, ao comprar a moto a um particular ela possa ter alguma penhora ou reserva de propriedade. Onde é que eu posso confirmar esta informação?

Saudações motards a todos os membros....

Junho 08, 2019, 10:12:51, 10:12
Responder #19

Sapiens21

  • Motociclista: 5 estrelas ❇❇❇❇❇

  • Offline
  • *****

  • 13980
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Texto Pessoal
    Queira o bem. Faça o bem. O resto vem...

Boas,

Estou a ponderar importar moto da Alemanha e li aqui um assunto que não me tinha ocorrido, que é o facto de, ao comprar a moto a um particular ela possa ter alguma penhora ou reserva de propriedade. Onde é que eu posso confirmar esta informação?

Saudações motards a todos os membros....

A nível de moto de matrícula nacional, a questão é simples...

Basta uma pessoa dirigir-se a uma qualquer Conservatória do Registo Automóvel da área da residência e pedir informações sobre determinada matrícula, nomeadamente a certidão comprovativa da situação judicial (que se não estou em erro é paga).

Nessa certidão encontrarás registadas todas as incidências que impedem sobre essa matrícula, ou seja...multas e penhoras.

Já sendo uma moto vinda do estrangeiro e caso não venha a existir por aqui feedback de como o fazeres, aconselho na mesma a que te informes por cá numa Conservatória do Registo Automóvel.
"Pouco importa o julgamento dos outros. Os seres humanos são tão contraditórios que é impossível atender às suas demandas para satisfazê-los.
Tenha em mente simplesmente ser autêntico e verdadeiro."

Dalai Lama

Outubro 09, 2019, 11:37:28, 11:37
Responder #20

JosePedroJesus

  • Motociclista: 1 estrela ❇

  • Offline
  • *

  • 6
  • Marca Motociclo: Honda
  • Modelo Motociclo: Africa Twin
  • Localidade: Lousã
Boas, ando a pensar importar uma mota com 1000cc com menos de um, dois anos e com poucos km (tipo 2000 no max). Mas ainda não consegui perceber o que se tem de pagar. è só ISV? Também se tem de pagar IVA? Li em algum sitio que se tem de pagar qualquer coisa na alfandega, é verdade?
Quem me pudesse ajudar, agradecia.

Muito obrigado

Outubro 09, 2019, 11:41:17, 11:41
Responder #21

2low

  • Motociclista: 4 estrelas ❇❇❇❇

  • Offline
  • ****

  • 2748
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Marca Motociclo: Triumph
  • Modelo Motociclo: Sprint ST 1050 ABS (2006)
  • Localidade: Almada
Boas, ando a pensar importar uma mota com 1000cc com menos de um, dois anos e com poucos km (tipo 2000 no max). Mas ainda não consegui perceber o que se tem de pagar. è só ISV? Também se tem de pagar IVA? Li em algum sitio que se tem de pagar qualquer coisa na alfandega, é verdade?
Quem me pudesse ajudar, agradecia.

Muito obrigado

Podes consultar aqui todos os custos associados: https://impostosobreveiculos.info/importacao/despesas-para-importar-carros-usados-da-ue/

Os custos associados deverão rondar os 1250€ para a parte burocrática (o valor de 1500€ está calculado para automóveis...), incluindo despesas de viagem/alojamento/alimentação e depois ainda somar o custo do ISV que poderá ser calculado aqui: https://impostosobreveiculos.info/isv/simulador-isv-motos/  [neste ultimo simulador proprio para motociclos, já inclui lá o campo do preço da moto e ainda dá para seleccionar as restantes despesas atrás descritas]

Sugestão de uma verdadeira pechincha: Kawasaki H2SX nova (0km) mas de fabrico de 2018, pelo simulador fica a 16.416,80€ - o preço é brutal!!!
https://suchen.mobile.de/fahrzeuge/details.html?id=284815641&damageUnrepaired=NO_DAMAGE_UNREPAIRED&isSearchRequest=true&makeModelVariant1.makeId=13100&makeModelVariant1.modelDescription=h2sx&pageNumber=1&scopeId=MB&sfmr=false&sortOption.sortBy=searchNetGrossPrice&sortOption.sortOrder=ASCENDING&searchId=2e7b47af-b0b1-5093-73ca-f1cae3d147a0
« Última modificação: Outubro 09, 2019, 11:48:31, 11:48 por 2low »

Outubro 09, 2019, 17:40:26, 17:40
Responder #22

JosePedroJesus

  • Motociclista: 1 estrela ❇

  • Offline
  • *

  • 6
  • Marca Motociclo: Honda
  • Modelo Motociclo: Africa Twin
  • Localidade: Lousã
Boas, ando a pensar importar uma mota com 1000cc com menos de um, dois anos e com poucos km (tipo 2000 no max). Mas ainda não consegui perceber o que se tem de pagar. è só ISV? Também se tem de pagar IVA? Li em algum sitio que se tem de pagar qualquer coisa na alfandega, é verdade?
Quem me pudesse ajudar, agradecia.

Muito obrigado

Podes consultar aqui todos os custos associados: https://impostosobreveiculos.info/importacao/despesas-para-importar-carros-usados-da-ue/

Os custos associados deverão rondar os 1250€ para a parte burocrática (o valor de 1500€ está calculado para automóveis...), incluindo despesas de viagem/alojamento/alimentação e depois ainda somar o custo do ISV que poderá ser calculado aqui: https://impostosobreveiculos.info/isv/simulador-isv-motos/  [neste ultimo simulador proprio para motociclos, já inclui lá o campo do preço da moto e ainda dá para seleccionar as restantes despesas atrás descritas]

Sugestão de uma verdadeira pechincha: Kawasaki H2SX nova (0km) mas de fabrico de 2018, pelo simulador fica a 16.416,80€ - o preço é brutal!!!
https://suchen.mobile.de/fahrzeuge/details.html?id=284815641&damageUnrepaired=NO_DAMAGE_UNREPAIRED&isSearchRequest=true&makeModelVariant1.makeId=13100&makeModelVariant1.modelDescription=h2sx&pageNumber=1&scopeId=MB&sfmr=false&sortOption.sortBy=searchNetGrossPrice&sortOption.sortOrder=ASCENDING&searchId=2e7b47af-b0b1-5093-73ca-f1cae3d147a0


Obrigado, ando a pensar comprar uma super desportiva.
Também andei a ver os preços em Inglaterra e ainda são mais convidativos, será que fica depois mais caro comprar lá?
Mas ainda tenho outra grande duvida que é como fazer para a trazer, visto que vir da Alemanha numa super desportiva até Portugal, não há de ser muito fácil. Alguém conhece alguma empresa que faça este tipo de transportes?

Obrigado mais uma vez


Outubro 09, 2019, 21:55:44, 21:55
Responder #23

TMaxer

  • Motociclista: 4 estrelas ❇❇❇❇

  • Offline
  • ****

  • 2580
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
As compras de Inglaterra terminaram, uma vez que no final do mes eles sairao da UE (assim tudo aponta) e todos os processos de legalização  que entrarem apos dia 30 estarao sujeitos a substanciais taxas alfandegarias.



Pode trazer a moto pela Garland



Aconselho o companheiro a procurar a ajuda de alguem que lhe possa dar consultadoria e tratar da papelada (eu posso faze-lo mas nao quero de forma nenhum implicar que lhe esteja a impingir nada) pois, provavelmente a faze-lo vai poupar mais  do que gastar  :nice:
Ducati Multistrada 1200S

Outubro 09, 2019, 22:12:39, 22:12
Responder #24

JosePedroJesus

  • Motociclista: 1 estrela ❇

  • Offline
  • *

  • 6
  • Marca Motociclo: Honda
  • Modelo Motociclo: Africa Twin
  • Localidade: Lousã
As compras de Inglaterra terminaram, uma vez que no final do mes eles sairao da UE (assim tudo aponta) e todos os processos de legalização  que entrarem apos dia 30 estarao sujeitos a substanciais taxas alfandegarias.



Pode trazer a moto pela Garland



Aconselho o companheiro a procurar a ajuda de alguem que lhe possa dar consultadoria e tratar da papelada (eu posso faze-lo mas nao quero de forma nenhum implicar que lhe esteja a impingir nada) pois, provavelmente a faze-lo vai poupar mais  do que gastar  :nice:

Pois, já nem me lembrava do brexit. Ainda faltam uns dias até ao fim do mês, mas se calhar já fica muito em cima???

Pois, já tinha visto que havia empresas que tratavam da parte da legalização, e sinceramente acho que iria precisar.

Obrigado



Enviado do meu iPhone usando o Tapatalk

Outubro 09, 2019, 23:02:10, 23:02
Responder #25

TMaxer

  • Motociclista: 4 estrelas ❇❇❇❇

  • Offline
  • ****

  • 2580
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
Sim, se o Brexit se efectivar no final do mes esta um bocado um cima da hora. A decidir alguma coisa a moto tem de sair do UK ate a proxima semana e tem de conhecer um processo de obter o CoC em muito pouco tempo. Basta faltar um documento no processo da DAV a 31, que a 1 de outubro ja paga mais direitos alfandegários e IVA  :zangadoplus:



Se eventualmente precisar de uma ajuda experiente nestes meandros, posso ajuda-lo tanto do UK como da Alemanha, posso negociar a moto e trato de transporte da moto ate à sua porta e papelada... é questão de entrar em contacto comigo por MP  :nice:

Ducati Multistrada 1200S

Outubro 09, 2019, 23:16:14, 23:16
Responder #26

Raminhos

  • Motociclista: 2 estrelas ❇❇

  • Offline
  • **

  • 172
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Marca Motociclo: Honda
  • Modelo Motociclo: Africa Twin 2019
  • Localidade: Lisboa

Se eventualmente precisar de uma ajuda experiente nestes meandros, posso ajuda-lo tanto do UK como da Alemanha, posso negociar a moto e trato de transporte da moto ate à sua porta e papelada... é questão de entrar em contacto comigo por MP  :nice:

Estas coisas são sempre boas de se saber! Vou guardar esta referência para daqui a uns aninhos quando quiser dar guia de marcha à AT  ;)

Outubro 10, 2019, 11:23:19, 11:23
Responder #27

Nhokas

  • Motociclista: 2 estrelas ❇❇

  • Offline
  • **

  • 115
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Marca Motociclo: Vespa
  • Modelo Motociclo: GTV Sei Giorni
  • Localidade: Lisboa
A minha vespa veio de Inglaterra, nova com 0 kms. Posso dizer que feitas as contas poupei mais de 1500€.

Dá uma vista de olhos aqui

https://www.clubeportuguesmotociclismo.pt/index.php?topic=4878.msg64139#msg64139

Outubro 17, 2019, 13:01:15, 13:01
Responder #28

Sapiens21

  • Motociclista: 5 estrelas ❇❇❇❇❇

  • Offline
  • *****

  • 13980
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Texto Pessoal
    Queira o bem. Faça o bem. O resto vem...
Ainda agora estava a fazer uma pesquisa por motos no Reino Unido e respectivos preços e aquilo por lá é uma realidade completamente diferente da que temos por cá.

Não sei se é efeitos do Brexit (que hoje até anunciam sair com acordo), se é pela criminalidade, pelos furtos, ou o que quer que seja....mas existem por lá motos com preços incrivelmente baixos face ao que existe por cá.

Reparem neste exemplo...

Uma BMW R1200RT, de 2007, com 20.000milhas, a ser vendida por 3.750£. Estamos a falar de aprox. 4.300€ ao câmbio actual.

Sabem quanto custa por cá uma destas, sensivelmente do mesmo ano e se calhar até com maior quilometragem que esta que se segue...?  :-\

Muuuuito mais...

"Pouco importa o julgamento dos outros. Os seres humanos são tão contraditórios que é impossível atender às suas demandas para satisfazê-los.
Tenha em mente simplesmente ser autêntico e verdadeiro."

Dalai Lama

Outubro 17, 2019, 15:26:25, 15:26
Responder #29

ppshaman

  • Motociclista: 1 estrela ❇

  • Offline
  • *

  • 2
  • Marca Motociclo: Apeado
  • Modelo Motociclo: Apeado
  • Localidade: Castelo Branco
Boa tarde a todos. Sou novo aqui no forum e estou para comprar uma mota. Estive a ver os preços no Reino Unido e confirmo que realmente estão muito tentadores. Se considerar que a Libra ainda pode vir a baixar o dinheiro poupado pode ser muito razoável.

Estou interessado em adquirir um dos seguintes modelos.
Honda Transalp 650
Triumph Tiger 800 ou Explorer
BMW R1200GS

Além do que já li na discussão ao qual quero agradecer por me ter "iluminado" acerca do processo, queria só que me informassem do seguinte.

Ouvi falar de empresas de transporte que podem fazer a colecta do veiculo e trazer para portugal. Desta forma poupava o seguro entre outras despesas. Já alguém usou um destes serviços? Qual a vossa opinião?

Estou a pensar comprar a mota num stand em Inglaterra (Posso indicar no site o nome do stand?).  Aconselham outro mercado. Estive a ver no alemão mas as diferenças de preço não eram consideráveis.

Muito obrigado pela ajuda e pelo forum.

Outubro 17, 2019, 16:26:38, 16:26
Responder #30

Megamustaine

  • Motociclista: 3 estrelas ❇❇❇

  • Online
  • ***

  • 808
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Marca Motociclo: Suzuki + Royal Enfield
  • Modelo Motociclo: V-Strom 1000 "aka" Mazuki + Himalayan "aka" Manfield
  • Localidade: Tires
Boa tarde a todos. Sou novo aqui no forum e estou para comprar uma mota. Estive a ver os preços no Reino Unido e confirmo que realmente estão muito tentadores. Se considerar que a Libra ainda pode vir a baixar o dinheiro poupado pode ser muito razoável.

Estou interessado em adquirir um dos seguintes modelos.
Honda Transalp 650
Triumph Tiger 800 ou Explorer
BMW R1200GS

Além do que já li na discussão ao qual quero agradecer por me ter "iluminado" acerca do processo, queria só que me informassem do seguinte.

Ouvi falar de empresas de transporte que podem fazer a colecta do veiculo e trazer para portugal. Desta forma poupava o seguro entre outras despesas. Já alguém usou um destes serviços? Qual a vossa opinião?

Estou a pensar comprar a mota num stand em Inglaterra (Posso indicar no site o nome do stand?).  Aconselham outro mercado. Estive a ver no alemão mas as diferenças de preço não eram consideráveis.

Muito obrigado pela ajuda e pelo forum.

Boas,

Não faço ideia do custo de uma mota deste género em Inglaterra e muito menos o custo de importação para Portugal. O único conselho que posso dar é que tenho um amigo que está a vender um Tiger 800 XrX de 2018 com 20.500 km´s ( fez à 2 semanas a revisão dos 20k ). A mota está abaixo dos 11.000€

 :nice:
I can´t get any younger, time has brutal hunger.....

Outubro 17, 2019, 17:44:36, 17:44
Responder #31

Sapiens21

  • Motociclista: 5 estrelas ❇❇❇❇❇

  • Offline
  • *****

  • 13980
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Texto Pessoal
    Queira o bem. Faça o bem. O resto vem...
As Triumph por lá também perdem valor a pique...

Basta ver este exemplo de uma unidade com 1 ano e já com algum equipamento.

Uma moto destas por cá, com a mesma idade e quilometragem, nem de perto se conseguia por estes valores..



Se vos mostrasse de 2025-2016, então aí era de ficar de "queixo caído" com os preços praticados nas usadas no Reino Unido.  :o
"Pouco importa o julgamento dos outros. Os seres humanos são tão contraditórios que é impossível atender às suas demandas para satisfazê-los.
Tenha em mente simplesmente ser autêntico e verdadeiro."

Dalai Lama

Outubro 17, 2019, 17:54:54, 17:54
Responder #32

jofra

  • Motociclista: 1 estrela ❇

  • Offline
  • *

  • 31
  • Marca Motociclo: Yamaha
  • Modelo Motociclo: Tracer 900
  • Localidade: Margem Sul
O problema de ir buscar mota dos UK é que depois ficamos com uma mota com milhas e não km.
Como é que será o processo de conversão ? Imagino que para a velocidade basta uma simples troca do quadrante da mota , mas depois temos os consumos e km percorridos...  Acredito que nas motas recentes seja uma questão de configuração, agora nas motas mais antigas ....

Outubro 17, 2019, 18:10:29, 18:10
Responder #33

Sapiens21

  • Motociclista: 5 estrelas ❇❇❇❇❇

  • Offline
  • *****

  • 13980
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Texto Pessoal
    Queira o bem. Faça o bem. O resto vem...
No caso das novas, tendo em conta que a indicação é digital (TFT dash) , acredito que seja uma situação simples de resolver. Que terá o seu pagamento, naturalmente.

No caso de mostrador analógico, deve ficar bem mais carote a mudança.
Não sei até que ponto valeria a pena.

Era andar com aquilo e uma pessoa ir-se habituando.
 ;)

Nota: cuidado que as motos vêm de lá com tendência a circular pela esquerda. Têm de se domar primeiro...  :stuck_out_tongue_winking_eye:
"Pouco importa o julgamento dos outros. Os seres humanos são tão contraditórios que é impossível atender às suas demandas para satisfazê-los.
Tenha em mente simplesmente ser autêntico e verdadeiro."

Dalai Lama

Outubro 17, 2019, 20:44:59, 20:44
Responder #34

Nhokas

  • Motociclista: 2 estrelas ❇❇

  • Offline
  • **

  • 115
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Marca Motociclo: Vespa
  • Modelo Motociclo: GTV Sei Giorni
  • Localidade: Lisboa
Boa tarde a todos. Sou novo aqui no forum e estou para comprar uma mota. Estive a ver os preços no Reino Unido e confirmo que realmente estão muito tentadores. Se considerar que a Libra ainda pode vir a baixar o dinheiro poupado pode ser muito razoável.

Estou interessado em adquirir um dos seguintes modelos.
Honda Transalp 650
Triumph Tiger 800 ou Explorer
BMW R1200GS

Além do que já li na discussão ao qual quero agradecer por me ter "iluminado" acerca do processo, queria só que me informassem do seguinte.

Ouvi falar de empresas de transporte que podem fazer a colecta do veiculo e trazer para portugal. Desta forma poupava o seguro entre outras despesas. Já alguém usou um destes serviços? Qual a vossa opinião?

Estou a pensar comprar a mota num stand em Inglaterra (Posso indicar no site o nome do stand?).  Aconselham outro mercado. Estive a ver no alemão mas as diferenças de preço não eram consideráveis.

Muito obrigado pela ajuda e pelo forum.

Eu tratei do transporte com uma empresa pequena.... se nao me falha a memoria, o valor rondou os 300€ se quiseres envio o contacto por MP

Outubro 17, 2019, 23:05:18, 23:05
Responder #35

rookie

  • Motociclista: 1 estrela ❇

  • Offline
  • *

  • 10
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Marca Motociclo: Yamaha
  • Modelo Motociclo: T-max 500
  • Localidade: Leiria
no caso do odometro analógico aparece em numeros maiores as milhas e por debaixo aparece em km, as 2 bmw que vi importadas estavam desta forma

Outubro 18, 2019, 10:33:15, 10:33
Responder #36

Nuno YB

  • Motociclista: 3 estrelas ❇❇❇

  • Offline
  • ***

  • 624
  • Marca Motociclo: Yamaha
  • Modelo Motociclo: BT1100 Bulldog
  • Localidade: Evora
O problema de ir buscar mota dos UK é que depois ficamos com uma mota com milhas e não km.
Como é que será o processo de conversão ? Imagino que para a velocidade basta uma simples troca do quadrante da mota , mas depois temos os consumos e km percorridos...  Acredito que nas motas recentes seja uma questão de configuração, agora nas motas mais antigas ....

No contador de kilometragem total, vem em milhas. No contador de velocidade, costumam trazer os dois valores, milhas e kilometros.

Outubro 18, 2019, 10:36:18, 10:36
Responder #37

pjmartinho

  • Motociclista: 3 estrelas ❇❇❇

  • Offline
  • ***

  • 841
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Marca Motociclo: Honda
  • Modelo Motociclo: ST1100
  • Localidade: Por aí...
O problema de ir buscar mota dos UK é que depois ficamos com uma mota com milhas e não km.
Como é que será o processo de conversão ? Imagino que para a velocidade basta uma simples troca do quadrante da mota , mas depois temos os consumos e km percorridos...  Acredito que nas motas recentes seja uma questão de configuração, agora nas motas mais antigas ....

No contador de kilometragem total, vem em milhas. No contador de velocidade, costumam trazer os dois valores, milhas e kilometros.

E depois, como dizia um ex-primeiro ministro, é só uma questão de fazer contas... sabendo que 1 milha são (aproximadamente) 1,6Kms... isso dá...

Outubro 18, 2019, 12:03:37, 12:03
Responder #38

Nhokas

  • Motociclista: 2 estrelas ❇❇

  • Offline
  • **

  • 115
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Marca Motociclo: Vespa
  • Modelo Motociclo: GTV Sei Giorni
  • Localidade: Lisboa
O problema de ir buscar mota dos UK é que depois ficamos com uma mota com milhas e não km.
Como é que será o processo de conversão ? Imagino que para a velocidade basta uma simples troca do quadrante da mota , mas depois temos os consumos e km percorridos...  Acredito que nas motas recentes seja uma questão de configuração, agora nas motas mais antigas ....

No contador de kilometragem total, vem em milhas. No contador de velocidade, costumam trazer os dois valores, milhas e kilometros.


Nas motos mais recentes isso é alteravel....