Autor Tópico: Triumph Speed Triple 1160 (2020)  (Lida 993 vezes)

Agosto 29, 2019, 23:26:12, 23:26
Lida 993 vezes

Sapiens21

  • Motociclista: 5 estrelas ❇❇❇❇❇

  • Offline
  • *****

  • 17193
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Texto Pessoal
    Queira o bem. Faça o bem. O resto vem...
Triumph Speed Triple 1160 (2020)


(Imagem é da actual 1050. É assim meramente indicativa da chegada da nova 1160)


Até há umas semanas atrás, quando falei da possibilidade deste modelo aparecer...pareciam pouco mais do que rumores, mas as publicações do sector começaram já a dar como certo que a Triumph não está parada quanto à sua "super naked".

Aliás, estará mesmo a trabalhar na sucessora da 1050, passando a ter um incremento na cilindrada e potência. Será a Speed Triple 1160.  :)

De tal forma assim é, que avançam já que será possível ver as suas formas finais nos grandes salões de motociclismo que se aproximam, com o lançamento a fazer-se em 2020.

Este modelo 2020 naturalmente terá de vir já preparado para cumprir as normas de emissões Euro5, mas a expectativa está num novo quadro, no novo motor, na estética que irá adoptar, na electrónica actualizada e na possibilidade de vir a ter igualmente versões como acontece com a actual Speed ​​Triple, ou seja...ter uma Speed ​​Triple S e uma RS.

Aguardemos... ;)
"Pouco importa o julgamento dos outros. Os seres humanos são tão contraditórios que é impossível atender às suas demandas para satisfazê-los.
Tenha em mente simplesmente ser autêntico e verdadeiro."

Dalai Lama

Junho 04, 2020, 22:18:25, 22:18
Responder #1

2low

  • Motociclista: 4 estrelas ❇❇❇❇

  • Offline
  • ****

  • 4126
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Marca Motociclo: Triumph
  • Modelo Motociclo: Sprint ST 1050 ABS (2006)
  • Localidade: Almada
Que se passou com esta nova motorização ?
Está a aguardar para a eventualidade da feira Eicma se realizar para ser oficialmente apresentada ?

Será que a marca vai aproveitar para utilizar a motorização em mais do que um modelo para rentabilizar o investimento nessa nova motorização ?



"Coragem é saber o que não temer.", Platão
"Se uma scooter é um aspirador, quantos sacos gasta aos 100?", Alguém

Junho 04, 2020, 22:42:03, 22:42
Responder #2

dfelix

  • Motociclista: 4 estrelas ❇❇❇❇

  • Offline
  • ****

  • 4217
...as publicações do sector começaram já a dar como certo que a Triumph não está parada quanto à sua "super naked".

Bota "aspas" nisso...
Por muito interessante que possa ser, será muito difícil enquadrar-se com as actuais referências do segmento.

Que se passou com esta nova motorização ?

 :pensador:

Está a aguardar para a eventualidade da feira Eicma se realizar para ser oficialmente apresentada ?

Pode ser durante a feira.
Pode ser independentemente da feira como já têm feito em outras ocasiões.
Seja como for, se o objectivo é ser um modelo de 2021, é natural que o façam no final do ano.. evitando o risco de chegando lá já estar esquecida.

Será que a marca vai aproveitar para utilizar a motorização em mais do que um modelo para rentabilizar o investimento nessa nova motorização ?

Eventualmente uma nova Tiger Sport, não?

Não acredito que lancem numa nova Sprint.


Junho 04, 2020, 22:49:14, 22:49
Responder #3

2low

  • Motociclista: 4 estrelas ❇❇❇❇

  • Offline
  • ****

  • 4126
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Marca Motociclo: Triumph
  • Modelo Motociclo: Sprint ST 1050 ABS (2006)
  • Localidade: Almada
...as publicações do sector começaram já a dar como certo que a Triumph não está parada quanto à sua "super naked".

Bota "aspas" nisso...
Por muito interessante que possa ser, será muito difícil enquadrar-se com as actuais referências do segmento.

Que se passou com esta nova motorização ?

 :pensador:

Está a aguardar para a eventualidade da feira Eicma se realizar para ser oficialmente apresentada ?

Pode ser durante a feira.
Pode ser independentemente da feira como já têm feito em outras ocasiões.
Seja como for, se o objectivo é ser um modelo de 2021, é natural que o façam no final do ano.. evitando o risco de chegando lá já estar esquecida.

Será que a marca vai aproveitar para utilizar a motorização em mais do que um modelo para rentabilizar o investimento nessa nova motorização ?

Eventualmente uma nova Tiger Sport, não?

Não acredito que lancem numa nova Sprint.

O lançamento estava previsto em 2020, não em 2021...


"Coragem é saber o que não temer.", Platão
"Se uma scooter é um aspirador, quantos sacos gasta aos 100?", Alguém

Junho 05, 2020, 09:56:25, 09:56
Responder #4

dfelix

  • Motociclista: 4 estrelas ❇❇❇❇

  • Offline
  • ****

  • 4217
O lançamento estava previsto em 2020, não em 2021...

Sabe-se que a marca está a trabalhar neste motor há algum tempo... e especulou-se que irá lançar nova Speed Triple.
A imprensa especulou até que seria anunciada na EICMA do ano passado.
E não foi.

Daí a considerar-se um "lançamento previsto"...


Junho 07, 2020, 21:24:57, 21:24
Responder #5

2low

  • Motociclista: 4 estrelas ❇❇❇❇

  • Offline
  • ****

  • 4126
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Marca Motociclo: Triumph
  • Modelo Motociclo: Sprint ST 1050 ABS (2006)
  • Localidade: Almada
E realmente tudo apontava para até o inicio de comercialização no primeiro trimestre de 2020 deste novo modelo...

https://www.todocircuito.com/noticias/21179-nueva-triumph-speed-triple-1160-2020:-mas-de-todo.html

E com tanta especulação até os faróis da recente Rocket III foram utilizados...


Sabe-se contudo que a Triumph tem apostado igualmente numa publicidade com qualidade.
E nesta apresentação oficial da marca sobre os últimos 30anos, apontando que irá "vir uma nova era", para já nada indica para esse novo modelo... segredo dos deuses?!



Mas estes novos vídeos (publicidade de qualidade na mesma linha com a publicidade da MVAgusta - A BMW pelo menos nos automóveis quase sempre investiu neste tipo de publicidade...), dão vontade de pegar numa moto (neste caso uma Triumph) e andar de moto, ou não?!
Ver aqui: https://www.youtube.com/user/OfficialTriumph/featured

« Última modificação: Junho 07, 2020, 21:32:38, 21:32 por 2low »


"Coragem é saber o que não temer.", Platão
"Se uma scooter é um aspirador, quantos sacos gasta aos 100?", Alguém

Junho 07, 2020, 21:34:19, 21:34
Responder #6

Sapiens21

  • Motociclista: 5 estrelas ❇❇❇❇❇

  • Offline
  • *****

  • 17193
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Texto Pessoal
    Queira o bem. Faça o bem. O resto vem...
A "nova era" provavelmente vai envolver um impulso a ser dado no campo dos veículos eléctricos.

Aliás, algures no fórum já tinha falado nisso, corria o ano 2019.

LINK: https://www.thethings.com/get-ready-the-electric-triumph-motorcycle-is-on-its-way/

Notícias variadas davam conta desse boost que seria dado pela marca Britânica.

Veremos como será , mas anteve-se essa "nova era" a efectivar-se e muito em breve...  ;)
"Pouco importa o julgamento dos outros. Os seres humanos são tão contraditórios que é impossível atender às suas demandas para satisfazê-los.
Tenha em mente simplesmente ser autêntico e verdadeiro."

Dalai Lama

Julho 08, 2020, 07:39:52, 07:39
Responder #7

Sapiens21

  • Motociclista: 5 estrelas ❇❇❇❇❇

  • Offline
  • *****

  • 17193
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Texto Pessoal
    Queira o bem. Faça o bem. O resto vem...
A publicação Inglesa RideApart aparentemente terá conseguido captar as fotos de uma unidade (em testes de estrada) da futura Speed Triple 1160.

Modelo que já se fala na sua vinda há largos meses, mas que estás fotos poderão vir a comprovar a sua chegada ao mercado (espera-se) que para breve.  :nice:

Com a Intermot e a EICMA a terem seguido o mesmo caminho, o mais certo é contar-se com um evento para se seguir online ainda no decurso deste ano.  ;)







Link
"Pouco importa o julgamento dos outros. Os seres humanos são tão contraditórios que é impossível atender às suas demandas para satisfazê-los.
Tenha em mente simplesmente ser autêntico e verdadeiro."

Dalai Lama

Julho 08, 2020, 09:45:14, 09:45
Responder #8

dfelix

  • Motociclista: 4 estrelas ❇❇❇❇

  • Offline
  • ****

  • 4217
Não tem os farois da Rocket III  :(

Julho 08, 2020, 12:46:07, 12:46
Responder #9

Sapiens21

  • Motociclista: 5 estrelas ❇❇❇❇❇

  • Offline
  • *****

  • 17193
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Texto Pessoal
    Queira o bem. Faça o bem. O resto vem...
A confirmar-se e pressupondo que a unidade de testes não tinha os faróis mudados só para confundir os curiosos, a colagem à nova Street Triple é muito evidente.

Para ser franco, entre estes que se podem ver na unidade de testes e os da Rocket, acho que prefiro esta opção...
"Pouco importa o julgamento dos outros. Os seres humanos são tão contraditórios que é impossível atender às suas demandas para satisfazê-los.
Tenha em mente simplesmente ser autêntico e verdadeiro."

Dalai Lama

Julho 09, 2020, 12:13:02, 12:13
Responder #10

dfelix

  • Motociclista: 4 estrelas ❇❇❇❇

  • Offline
  • ****

  • 4217
Obviamente que esta opção é a mais consensual.

Consequentemente... menos carismática.

Até estava disposto a "fazer as pazes" com este modelo.
Mas já que abandonaram a irreverência e optaram por seguir tendências... prefiro o "real deal" e ir buscar uma italiana.
 :D



Julho 10, 2020, 00:02:14, 00:02
Responder #11

2low

  • Motociclista: 4 estrelas ❇❇❇❇

  • Offline
  • ****

  • 4126
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Marca Motociclo: Triumph
  • Modelo Motociclo: Sprint ST 1050 ABS (2006)
  • Localidade: Almada
Obviamente que esta opção é a mais consensual.

Consequentemente... menos carismática.

Até estava disposto a "fazer as pazes" com este modelo.
Mas já que abandonaram a irreverência e optaram por seguir tendências... prefiro o "real deal" e ir buscar uma italiana.
 :D

O motor não é capaz de te cativar ?!  :pensador: :pensador: :pensador:

Os faróis é verdade que "são mais badboys adolescentes"...


... mas se a moto tiver uma parte mecânica minimamente capaz de te manter durante muitos quilómetros atrás do guiador...
... mal vais ter tempo de olhar para a porcaria dos faróis!
 ::P:  ;)

Eu estou bastante curioso por este modelo mas não seria nesta gama que me iria fazer pensar "mudar para o outro lado da força"  8)



"Coragem é saber o que não temer.", Platão
"Se uma scooter é um aspirador, quantos sacos gasta aos 100?", Alguém

Julho 10, 2020, 12:03:23, 12:03
Responder #12

dfelix

  • Motociclista: 4 estrelas ❇❇❇❇

  • Offline
  • ****

  • 4217
O motor não é capaz de te cativar ?!  :pensador: :pensador: :pensador:

Estou curioso com o que vão apresentar...
Mas sem grandes expectativas...
Duvido que lancem algo capaz de concorrer com as 1290 e V4.

 
... mas se a moto tiver uma parte mecânica minimamente capaz de te manter durante muitos quilómetros atrás do guiador...
... mal vais ter tempo de olhar para a porcaria dos faróis!

Já é uma relação com história...  :D

Olhar para a actual speed é como ver uma ex-namorada de que ainda se gosta... mas já não desperta o mesmo interesse!
No geral até está melhor, mais madura e até mais "fit"...
Mas falta-lhe o ar rebelde de outros tempos.


Janeiro 12, 2021, 16:29:43, 16:29
Responder #13

2low

  • Motociclista: 4 estrelas ❇❇❇❇

  • Offline
  • ****

  • 4126
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Marca Motociclo: Triumph
  • Modelo Motociclo: Sprint ST 1050 ABS (2006)
  • Localidade: Almada
Entretanto parece que a ideia de ter um modelo com nomenclatura mais interessante "se esfumou" pois o que seria um 1160 pelos vistos vai ser só um 1200...

E já é suposto haver data oficial para apresentação "da coisa", 26 Janeiro.
Mas tenho sensação que de uma assentada possam apresentar também a nova tiger1200...

Provavelmente os custos envolvidos num motor 1160 não estariam a ser simpáticos e assim utilizam um já "conhecido da casa"...ou então é mesmo um novo motor... mas vamos ver de que ele é capaz...
(é a reforma do fantástico 1050 sem contudo ter um talvez real sucessor)

https://motomais.motosport.com.pt/noticias/triumph-speed-triple-1200-rs-ja-com-data-de-lancamento/
« Última modificação: Janeiro 12, 2021, 17:11:57, 17:11 por 2low »


"Coragem é saber o que não temer.", Platão
"Se uma scooter é um aspirador, quantos sacos gasta aos 100?", Alguém

Janeiro 12, 2021, 18:11:06, 18:11
Responder #14

dfelix

  • Motociclista: 4 estrelas ❇❇❇❇

  • Offline
  • ****

  • 4217
Provavelmente os custos envolvidos num motor 1160 não estariam a ser simpáticos e assim utilizam um já "conhecido da casa"...ou então é mesmo um novo motor... mas vamos ver de que ele é capaz...

Deixa lá ver se entendo...

Como a designação oficial para a nova Speed Triple não corresponde ao que se foi sabendo através de rumores,  assume-se que a Triumph abandonou o desenvolvimento dum novo motor e devido a custos, foi buscar o da Tiger?

 :D :D

Janeiro 12, 2021, 20:44:29, 20:44
Responder #15

2low

  • Motociclista: 4 estrelas ❇❇❇❇

  • Offline
  • ****

  • 4126
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Marca Motociclo: Triumph
  • Modelo Motociclo: Sprint ST 1050 ABS (2006)
  • Localidade: Almada
Provavelmente os custos envolvidos num motor 1160 não estariam a ser simpáticos e assim utilizam um já "conhecido da casa"...ou então é mesmo um novo motor... mas vamos ver de que ele é capaz...

Deixa lá ver se entendo...

Como a designação oficial para a nova Speed Triple não corresponde ao que se foi sabendo através de rumores,  assume-se que a Triumph abandonou o desenvolvimento dum novo motor e devido a custos, foi buscar o da Tiger?

 :D :D

O que escrevi foi:
"
Provavelmente os custos envolvidos num motor 1160 não estariam a ser simpáticos e assim utilizam um já "conhecido da casa"...ou então é mesmo um novo motor..."

Como vês não afirmei que seria o motor da actual Tiger 1200.
Mas devido ao que se foi especulando... seria de esperar um motor de 1160cc.
Mas nada impedia a triumph de numa de contenção de custos arrumar na gaveta o desenvolvimento de um novo motor, que se já existia "prototipo" poderia não ter atingido os valores expectáveis... e que possam ter optado pela utilização de um motor 1200 presente na actual Tiger e desconhecendo se não derivaria da última trophy... MAS isto só no mero campo de especulação sobre o assunto.
A realidade o que diz é: "era esperado um novo motor 1160" (e nunca mais se ouviu falar....) e entretanto "mas vai vir a nova speed triple como 1200"
Agora... será que a nova speed triple 1200 é realmente o produto final do desenvolvimento desse suposto 1160, mas que não tendo os resultados esperados foi mesmo aumentado a cilindrada para a triumph obter o que pretendia e por outro cumprir normas obrigatórias euro 5/6?
Fiquei contudo na ideia que a triumph queria voltar a ter um motor carismático em redor da nomenclatura 1160 substituindo o 1050... e tal como tem carisma falar do 636 (sem dizer mais nada sabe-se logo do que se está a falar...)
O 1200 é algo mais banal...
Apenas isto que penso.
Ainda achas ou encontras no meu discurso algo que te tenha feito pensar dessa forma?
 :pensador: 8)


"Coragem é saber o que não temer.", Platão
"Se uma scooter é um aspirador, quantos sacos gasta aos 100?", Alguém

Janeiro 13, 2021, 23:51:02, 23:51
Responder #16

dfelix

  • Motociclista: 4 estrelas ❇❇❇❇

  • Offline
  • ****

  • 4217
Claro que li o que escreveste.
Primeiro veio a teoria da conspiração.
Depois... em alternativa, até consideraste uma perspectiva realista.
 :D

Repara numa coisa:
A única informação oficial que obtiveste foi de que a Triumph vai lançar uma Speed Triple 1200.
Tudo o que surgiu antes foi leaks e rumores.
Valem o que valem.

Estar a falar de protótipos, projectos e decisões de tesouraria sobre as quais não existe informação é navegar na maionese.

Até pode ser 1160cc e a Triumph decidir chamar-lhe 1200.
E porque não? Em regra geral as designações dos modelos não correspondem a cilindradas exactas.

Contenção de custo?
Estás a falar duma marca que decidiu lançar um triple com quase 2500cc só por que sim...

A Speed é um modelo que já foi referência no seu segmento.
No presente é uma opção tão esquecida que raramente aparece nos comparativos.
Pouco se evidencia entre entre uma vasta oferta de motos que têm em comum estarem à sombra das SFV4 e SD1280.

Não acredito que a Triumph lance algo capaz de enfrentar estas.
Mas não vejo razões para aspirar se aproximar delas e readquirir notabilidade.

Achas mesmo que no que diz respeito a custo de desenvolvimento um novo triple de alta cilindrada é assim tão mais dispendioso de desenvolver do que foi o 765 que neste momento até fornece o motoGP?
Ainda por cima quando já têm essa cábula?

E há ainda outro ponto que não referes: Com a euro 5 o presente 1050 torna-se obsoleto.
Embora com evolução constante ao longo de 15 anos, não estará na altura de algo novo de raiz?

Janeiro 14, 2021, 11:51:42, 11:51
Responder #17

2low

  • Motociclista: 4 estrelas ❇❇❇❇

  • Offline
  • ****

  • 4126
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Marca Motociclo: Triumph
  • Modelo Motociclo: Sprint ST 1050 ABS (2006)
  • Localidade: Almada
Claro que li o que escreveste.
Primeiro veio a teoria da conspiração.
Depois... em alternativa, até consideraste uma perspectiva realista.
 :D

Repara numa coisa:
A única informação oficial que obtiveste foi de que a Triumph vai lançar uma Speed Triple 1200.
Tudo o que surgiu antes foi leaks e rumores.
Valem o que valem.

Estar a falar de protótipos, projectos e decisões de tesouraria sobre as quais não existe informação é navegar na maionese.

Até pode ser 1160cc e a Triumph decidir chamar-lhe 1200.
E porque não? Em regra geral as designações dos modelos não correspondem a cilindradas exactas.

Contenção de custo?
Estás a falar duma marca que decidiu lançar um triple com quase 2500cc só por que sim...

A Speed é um modelo que já foi referência no seu segmento.
No presente é uma opção tão esquecida que raramente aparece nos comparativos.
Pouco se evidencia entre entre uma vasta oferta de motos que têm em comum estarem à sombra das SFV4 e SD1280.

Não acredito que a Triumph lance algo capaz de enfrentar estas.
Mas não vejo razões para aspirar se aproximar delas e readquirir notabilidade.

Achas mesmo que no que diz respeito a custo de desenvolvimento um novo triple de alta cilindrada é assim tão mais dispendioso de desenvolver do que foi o 765 que neste momento até fornece o motoGP?
Ainda por cima quando já têm essa cábula?

E há ainda outro ponto que não referes: Com a euro 5 o presente 1050 torna-se obsoleto.
Embora com evolução constante ao longo de 15 anos, não estará na altura de algo novo de raiz?

Tens razão no que se trata de "comunicação oficial" vs "boatos e rumores".
Acabei por ficar induzido a talvez erro que fosse mesmo a Triumph que fizesse questão de voltar a apostar num motor que tem precisamente 1160cc e que iria ser essa a designação.
Sobre o motor 1050 ser obsoleto calma aí... é obsoleto meramente na questão de deixar de conseguir acompanhar as actuais normas que se diga que são... e que na prática não resolvam grande coisa nas questões ambientais... mas também porque já chegou ao seu limite de melhorias possíveis mantendo uma qualidade e fiabilidade geral...(recorde-se que a speed triple 1050 rs mais recente teve um problema de desgaste anómalo no teste dos 50.000km, entretanto aparentemente resolvido...)
Obviamente que não consegue bater-se com os motores actuais mais potentes da concorrência... mas (não faz sentido) dizer que é obsoleto na óptica de um mecânico/condutor/piloto...
Para já tem características que o tornam quase único e só quem teve oportunidade de o experimentar é que sabe do que é capaz:
- como já disseste muitas vezes, talvez o motor mais linear do mercado nas ultimas (quase) duas décadas
- um 3 cilindros com pulmão em todos os regimes
- um 3 cilindros não muito gastador (eficiente)
- chega a ter em todos os modelos mais de 100Nm de binário e mais de 145cv em alguns modelos mais recentes
- taxa de compressão alta pode influenciar a eficiência e ser um parâmetro bem interessante no que isso significa realmente na estrada...

Aponta aí uma moto actual que tenha pelo menos 120cv, binário superior a 100Nm e sem necessitar de ter um motor de 1200cc ou de maior dimensão?
Eu encontrei uma aproximação na MV Agusta Turismo Veloce 800 e para um 3 cilindros de ~800cc, ter binário de 80Nm e 125cv...nada mau!
Queres ver que por esse motor já ter aparecido em 2014/2015 também se vai afirmar que é obsoleto?  :D

Sobre "Embora com evolução constante ao longo de 15 anos, não estará na altura de algo novo de raiz?"...
Concordo que seja altura de um novo motor capaz de fazer regressar À marca os seus antigos clientes e também de conseguir nova clientela! A triumph merece!
MAS se for um novo motor que não consegue fornecer características idênticas ou melhores... isto se se for capaz de verificar os parâmetros totais comparativos dos dois motores e se verificar a eficiência de um face ao outro.

"Mas não vejo razões para aspirar se aproximar delas e readquirir notabilidade"
Sobre o que disse no paragrafo anterior, a Triumph realmente conseguiu algo notável e "quase único" com a Rocket 3 mas para ter uma moto com aquelas características teve de lhe dar um motor de ainda maior dimensão... era bom era com menos cilindrada conseguir o mesmo ou melhor, ou seja... a tal eficiência que tenho vindo a falar...
Porque um motor de menor dimensão, é também mais leve e pode ajudar bastante à moto a ser bem interessante de a conduzir/pilotar...

Para concluir...
"Em regra geral as designações dos modelos não correspondem a cilindradas exactas."
Triumph Daytona 675, tem precisamente 675cc
Triumph Daytone 765, tem precisamente 765cc
Triumph Sprint ST/GT 1050, tem precisamente 1050cc
Kawasaki ZX6R 636, tem precisamente 636cc
Não é feita esta referência generalizada mas pontualmente existem alguns casos e confere algum carisma...
E apesar de ter colocado aqui mais exemplos de Triumph's, o carisma de uma 636...acho que todos sabem o que é e simboliza...
...ou simbolizou...

Já a KTM atribui designações distintas da generalidade para tentar dar esse "carisma extra", mesmo que a cilindrada não corresponda...
exemplo: série 1290 tem precisamente 1301cc, porque não lhe chamou 1300? Porque era demasiado comercial e igual ao "comum"




« Última modificação: Janeiro 14, 2021, 11:59:12, 11:59 por 2low »


"Coragem é saber o que não temer.", Platão
"Se uma scooter é um aspirador, quantos sacos gasta aos 100?", Alguém

Janeiro 14, 2021, 15:39:32, 15:39
Responder #18

dfelix

  • Motociclista: 4 estrelas ❇❇❇❇

  • Offline
  • ****

  • 4217
Sobre o motor 1050 ser obsoleto calma aí... é obsoleto meramente na questão de deixar de conseguir acompanhar as actuais normas que se diga que são... e que na prática não resolvam grande coisa nas questões ambientais... mas também porque já chegou ao seu limite de melhorias possíveis mantendo uma qualidade e fiabilidade geral...(recorde-se que a speed triple 1050 rs mais recente teve um problema de desgaste anómalo no teste dos 50.000km, entretanto aparentemente resolvido...)
Obviamente que não consegue bater-se com os motores actuais mais potentes da concorrência... mas (não faz sentido) dizer que é obsoleto na óptica de um mecânico/condutor/piloto...

A minha frase foi:
"Com a euro 5 o presente 1050 torna-se obsoleto."
Parece-me bastante explícito.

Aponta aí uma moto actual que tenha pelo menos 120cv, binário superior a 100Nm e sem necessitar de ter um motor de 1200cc ou de maior dimensão?

A generalidade das desportivas 1000 superam largamente os 120 e têm binário superior a 100Nm.
No segmento das naked tens as cujas motorizações derivam na das mesmas.
Os V4 da Ducati e Aprilia têm alguma batota pois são 1100cc (os não homologados pela FIM) o que ainda está na margem.

Eu encontrei uma aproximação na MV Agusta Turismo Veloce 800 e para um 3 cilindros de ~800cc, ter binário de 80Nm e 125cv...nada mau!

Mas por "moto actual" referes-te a algo equipado por um triple?

Como é óbvio não há muitos fabricantes a apostar nesta arquitectura.
Apesar da Triumph não ser a pioneira, foi o que lhe deu popularidade.
Só num passado recente MV Agusta e a Yamaha adoptaram a receita.

A Brutale 800 RR até produz mais potência que a Turismo Veloce. Cerca de 140cv.
Ainda assim, não deixa de ser uma moto que concorre no segmento da Street Triple (a RS tem 123cv) e MT-09 (113cv).
Não é concorrente da Speed Triple.

Para o segmento da Speed Triple as propostas da MV Agusta e Yamaha não são triples.
A Brutale 1000RR (208cv) e a MT-10 (160cv) são L4.

Queres ver que por esse motor já ter aparecido em 2014/2015 também se vai afirmar que é obsoleto?  :D

Se cumpre os requisitos que permitem equipar um veículo que possa ser comercializado para circular na via pública...  :)

MAS se for um novo motor que não consegue fornecer características idênticas ou melhores... isto se se for capaz de verificar os parâmetros totais comparativos dos dois motores e se verificar a eficiência de um face ao outro.

Os construtores para sobreviverem têm de vender motos.
E para se vender motos é necessário que correspondam ao que o mercado realmente procura.

A Speed Triple foi no passado a derradeira "streetfighter".
Neste momento passa despercebida.

Se a Triumph pretende recuperar a notoriedade do modelo... tem de fazer por isso.
O problema é que tanto a SFV4 como a SD1290 elevam demasiado a fasquia.

Sobre o que disse no paragrafo anterior, a Triumph realmente conseguiu algo notável e "quase único" com a Rocket 3 mas para ter uma moto com aquelas características teve de lhe dar um motor de ainda maior dimensão... era bom era com menos cilindrada conseguir o mesmo ou melhor, ou seja... a tal eficiência que tenho vindo a falar...

A Rocket é uma "power cruiser"...
Tem cunho próprio, mas não deixa de ser uma moto na orientação do que foi a VMax, do que é a Diavel, a FXDR, etc.

A Rocket como a conhecemos existe há 17 anos...
E o mais certo é a ideia ter surgido quando a malta do R&D se encharcou de pints num qualquer pub de Hinckley.
A actual apenas está mais luxuosa e exclusiva. Porque o mercado a que se destina é isso que procura, tal como a XDiavel procurou dar resposta a isso.

Um triple longitudinal de menor dimensão não faria sentido em nenhuma outra moto que não fosse uma baby-Rocket.
O sucesso de uma moto com estas características é muito relativo.

« Última modificação: Janeiro 14, 2021, 15:44:44, 15:44 por dfelix »

Janeiro 14, 2021, 16:25:25, 16:25
Responder #19

ThatsMe

  • Motociclista: 3 estrelas ❇❇❇

  • Offline
  • ***

  • 816
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Marca Motociclo: Kawasaki
  • Modelo Motociclo: Versys 1000 SE GT
  • Localidade: Porto
(...)

Aponta aí uma moto actual que tenha pelo menos 120cv, binário superior a 100Nm e sem necessitar de ter um motor de 1200cc ou de maior dimensão?

(...)

Tenho uma na garagem :P

120cv, 102Nm, 1043cc.

Janeiro 14, 2021, 18:19:25, 18:19
Responder #20

2low

  • Motociclista: 4 estrelas ❇❇❇❇

  • Offline
  • ****

  • 4126
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Marca Motociclo: Triumph
  • Modelo Motociclo: Sprint ST 1050 ABS (2006)
  • Localidade: Almada
Dfelix,

Não deixas de ter razão em tudo o que escreveste mas continuo a insistir no seguinte:

"(...) mas (não faz sentido) dizer que é obsoleto na óptica de um mecânico/condutor/piloto..."
Claramente que pretendi debater o assunto colocando de parte esses agentes que intervém directamente no mercado e que "nos dão" o que eles querem dar...
...e nós como condutores de motociclos temos contudo toda a liberdade de optar por veículos novos ou usados.

Sobre a questão de outros motociclos com aquelas características...
Pretendi restringir da facto só a soluções semelhantes de 3 cilindros.
[ThatsMe, tens uma moto que nas características que mostraste (potencia, binário, cilindrada) é muito parecida com a minha moto mas ao pormenor têm comportamentos distintos e depois são também diferentes no tipo de moto. Há regimes que a tua moto é bem mais eficiente e "bombástica" e outros regimes que seja a minha a surpreender e o que importa é que no geral, tanto uma como outra sejam capazes de nos contentar a cada um de nós]
Misturei foi depois o lado pessoal daquilo que eu gostaria que existisse para a eventualidade de substituir a actual moto por outra mais moderna, mas só na premissa de só ser feita a eventual troca se realmente for um motociclo que traga mais do que a actual oferece... (3 cilindros, ST/GT e sem ser a Tracer900 - não gosto de motos de modas até por questões de segurança :D )

A SpeedTriple que tal como indicas terá sido um modelo que marcou uma época e realmente como antecedente daquilo que agora se chama de "streetfighter" ou naked bruta de alta perfomance, certo?!
Sobre as hipóteses da Triumph conseguir voltar a tentar dominar o mercado nesse campo... temos de acreditar que a Triumph seja capaz, tanto que já o foi no passado.
Sobre esses dois modelos italianos... sim... elevaram muito a fasquia.
A Triumph certamente que não pretende ficar esquecida mas só pode investir mais um pouco se também conseguir fazer dinheiro com algumas das recentes apostas e nisso é que tenho as minhas duvidas... porque entrar no mercado para competir com modas é que é bem difícil... Tiger 900 e TigerSport850 muito dificilmente se irão impor no mercado e continuarão a ser uma parte residual de mercado nesse estilo de moto. MAS pelo historial da Triumph... seria melhor optar por tentar a voltar dominar onde já foi rei!
Na altura eram conhecidas pelas "rainhas das curvas"!

Sobre SpeedTriple ou StreetTriple, basta reparar no significado deste ultimo modelo para perceber a diferença... Street, a rebelde das cidades... por aí...

nota:  a parte da Triumph conseguir voltar a ter um motor 3 cilindros que consiga bater-se com esses monstros da estrada é bem difícil se não subir substancialmente de cilindrada porque na prática sem se perceber muito sobre o assunto o que se sente é algo como:
- para um 1000cc tetracilindrico, talvez um 1200cc tricilindrico seja ainda assim inferior nas perfomances disponibilizadas
- para um 1000cc tricilindrico, especulando... talvez um 1300cc bicilindrico possa permitir perfomances não tão diferentes...
E depois os V's aparecem e lixam o esquema de percepção...  :lolol:


"Coragem é saber o que não temer.", Platão
"Se uma scooter é um aspirador, quantos sacos gasta aos 100?", Alguém

Janeiro 16, 2021, 05:34:26, 05:34
Responder #21

dfelix

  • Motociclista: 4 estrelas ❇❇❇❇

  • Offline
  • ****

  • 4217
Ontem escrevi uma resposta detalhada a este tópico.
Fico na dúvida se foi apagada, ou terei me esquecido de submeter a mesma.
Provavelmente a segunda opção.
 :-\

"(...) mas (não faz sentido) dizer que é obsoleto na óptica de um mecânico/condutor/piloto..."
Claramente que pretendi debater o assunto colocando de parte esses agentes que intervém directamente no mercado e que "nos dão" o que eles querem dar...
...e nós como condutores de motociclos temos contudo toda a liberdade de optar por veículos novos ou usados.

O objectivo de qualquer construtor é desenvolver e comercializar novos produtos.
O 1050 surgiu há 16 anos. E desde então sofreu diversas actualizações a ponto de que no presente é um motor consideravelmente diferente do primeiro.

Mas há sempre um momento em que é preferível dar lugar a uma nova geração.

Sim... o 1050 está obsoleto.
Não cumpre mais as exigências necessárias a que possa ser comercializado em motos novas.
E está longe de ser competitivo face ás principais referências do segmento onde a Speed se insere.

Na óptica de condutor/piloto isto é irrelevante.
Porque quem compra novo vai comparar com a restante oferta.

Pretendi restringir da facto só a soluções semelhantes de 3 cilindros.

Só tens 3 construtores a produzir soluções viáveis recorrendo ao triple.
E destes 3 só a Triumph o utiliza nos segmentos de alta cilindrada.

As soluções da Yamaha e MV são dirigidas ás actuais médias cilindradas onde a Triumph joga com o 765.

A SpeedTriple que tal como indicas terá sido um modelo que marcou uma época e realmente como antecedente daquilo que agora se chama de "streetfighter" ou naked bruta de alta perfomance, certo?!

As "streetfighter" estão para os anos 80 (e inícios de 90) como as "cafe racer" estão para o pós-WWII.

No presente são designações comerciais que muitos construtores adoptaram para os seus produtos.
Mas a origem da nomeclatura surge de "custom builds" associadas a movimentos e contra-culturas mais amplas que o motociclismo.
Por terem o seu epicentro em Inglaterra, a Triumph soube embeber deste espírito para os seus produtos conferindo um carisma especial.

Sobre as hipóteses da Triumph conseguir voltar a tentar dominar o mercado nesse campo... temos de acreditar que a Triumph seja capaz, tanto que já o foi no passado.

A Triumph nunca "dominou o mercado" em coisa alguma.
Uma coisa é lançarem um produto com notoriedade que vence comparativos, seja considerado "bike of the year" e se torne de referência do seu segmento.
Outra coisa completamente distinta é ser líder de vendas.

A Triumph certamente que não pretende ficar esquecida mas só pode investir mais um pouco se também conseguir fazer dinheiro com algumas das recentes apostas e nisso é que tenho as minhas duvidas... porque entrar no mercado para competir com modas é que é bem difícil... Tiger 900 e TigerSport850 muito dificilmente se irão impor no mercado e continuarão a ser uma parte residual de mercado nesse estilo de moto.

Olha que a Triumph não se tem dado mal com modas.

Inclusive têm estado no início de algumas. Um bom exemplo são as neoclássicas!
Durante muito tempo só a Triumph apresentava uma linha mais "clássica" dentro daquilo que foi o seu legado.
E hoje em dia todos os construtores têm em catálogo propostas para este segmento.

Mesmo as Tiger não sendo a "referência" no segmento ADV, correspondem ao maior volume de vendas do catálogo da Triumph.

Acredito que a Trident será muito provavelmente a moto mais rentável para a Triumph no futuro.
Mas não acredito que irá liderar o mercado no que diz respeito a vendas, mesmo tendo argumentos para isso.

Sobre SpeedTriple ou StreetTriple, basta reparar no significado deste ultimo modelo para perceber a diferença... Street, a rebelde das cidades... por aí...

Na Triumph de Hinckey sempre gostaram de recuperar nomes do passado.

O nome "Speed Triple" surge da "Speed Twin" dos anos 30.
Porém adaptado à realidade de ser um triple.

Numa fase em que as nakeds 600 foram o mercado dominante decidiram lançar uma baseada na TT600 (que era uma réplica medíocre da CBR600F) que baptizaram de "Speed Four".



E a designação tinha toda a lógica, pois era motorizado por um L4.

Porém, as inline-four da Triumph sempre foram um flop.
E as médias cilindradas da marca só ganham notoriedade quando lançaram a Daytona 675.
Foi um instantinho até lançarem uma naked para rivalizar com a Hornet e a FZ6 que dominavam as vendas na altura.

Não faria sentido lhe chamarem "Speed Four" por ser um triple.
Poderiam lhe ter chamado "Speed Triple 675". Mas por alguma razão optaram por outro nome.
Acredito que para não retirar notoriedade à Speed, que era na altura aparte da Boneville, bandeira da marca.

Desconheço as razões da escolha do "Street" e não quero estar também a navegar na maionese.
Mas a realidade é que acabou por ficar associado ás opções "entry level" da Triumph a ponto que acabou por ser também adoptado para a linha "Street Twin".

Embora, a partir deste ano a "entry level" da Triumph passa a ser a Trident.
« Última modificação: Janeiro 16, 2021, 05:40:56, 05:40 por dfelix »

Janeiro 16, 2021, 12:10:58, 12:10
Responder #22

2low

  • Motociclista: 4 estrelas ❇❇❇❇

  • Offline
  • ****

  • 4126
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Marca Motociclo: Triumph
  • Modelo Motociclo: Sprint ST 1050 ABS (2006)
  • Localidade: Almada
(...)A Triumph nunca "dominou o mercado" em coisa alguma.
Uma coisa é lançarem um produto com notoriedade que vence comparativos, seja considerado "bike of the year" e se torne de referência do seu segmento.
Outra coisa completamente distinta é ser líder de vendas.(...)

Não discordo nadinha de tudo o que disseste.
 :cool: :convivio:

Escolhi mal as palavras, confesso.

Não sendo um best seller (ou dominar as vendas do mercado) era contudo a referência no segmento das nakeds (e classicas).
Mas não eram meras referências no mercado apenas por seguirem modas de mercado... tinham "personalidade e carisma" algo que não consigo ver hoje em dia em muitas das motos que têm sido referência...

Sobre o 1050, eu não discordo que seja considerado obsoleto relativo às tais normas e porque para os tipos que as vendem novas tenham que cumprir essas normas...
Relembro-te que já por aqui debati muito sobre a minha leitura pessoal sobre o que essas normas de treta significam... ou pouco significam para reais alterações ao meio ambiente.
E não demonstraste em nenhum dos comentários algum sinal que tenhas percebido o que quis dizer logo desde a primeira vez... não olhando a quem vai comprar nova mas sim com a abstracção desse pormenor, pensares exclusivamente num qualquer tipo que realmente gosta de motos, sem ser preconceituoso ou de modas no que se trata a marcas, e que vai À procura de motos que lhe possam dar total prazer de condução (determinado gosto por determinado tipo de mecânica, por determinada característica...), mesmo que até possa haver motos com prestações melhores.

Relativamente a motos de 3 cilindros... falei num contexto bem mais global do que apenas as que HOJE podes comprar...
Até a BMW teve já 3 cilindros...


"Coragem é saber o que não temer.", Platão
"Se uma scooter é um aspirador, quantos sacos gasta aos 100?", Alguém

Janeiro 16, 2021, 17:12:46, 17:12
Responder #23

dfelix

  • Motociclista: 4 estrelas ❇❇❇❇

  • Offline
  • ****

  • 4217
E não demonstraste em nenhum dos comentários algum sinal que tenhas percebido o que quis dizer logo desde a primeira vez...

Eu percebi o que queres dizer... apenas não vejo relevância para o tema.
(Daí ter referido que a obsolescência "na óptica de condutor/piloto é irrelevante.")

Podes discordar com as normas.
Mas os construtores para introduzirem as motos no mercado têm que as fazer cumprir.  ;)

Nem sequer está em causa o facto dos 1050 superarem largamente as expectativas de qualquer consumidor no presente.
Mesmo as que têm cerca de uma década são competentes e equipadas com tecnologia que só recentemente se tornou standard.
Isto pode ser relevante para o mercado de usados.
Mas a saúde financeira dum construtor mede-se é pelas vendas de motos novas.

O problema é o que já referi inúmeras vezes:
Numa perspectiva da principal oferta do mercado... a Speed não apresenta argumentos que a evidencie!
A concorrência directa é feroz.

Nem sequer se coloca a questão das "modas". 
Porque nunca foi um segmento de modas.
Já se assistiu a "picos" de vendas no mercado das nakeds de média cilindrada.
Mas as altas cilindradas nunca representaram vendas em massa.
São aquelas motos que toda a gente gosta mas ninguém compra.
Porque é um segmento de mercado meio estranho onde as escolhas são predominantemente irracionais.

E se o nicho de clientes que coloque a Speed como opção está a escapar para austríacas e italianas mesmo a diferença de preço para a RS é significativa... ao mesmo tempo as versões mais económicas perderam para alemãs e japonesas, é porque algo está de errado.
E qualquer construtor tem staff que se espera perceber e adequar o novo produto ás novas "regras" que decidem as vendas.

Relativamente a motos de 3 cilindros... falei num contexto bem mais global do que apenas as que HOJE podes comprar...
Até a BMW teve já 3 cilindros...

Desafio-te a explicar que relevância um "tijolo voador" dos anos 80 tem para as escolha de quem decide comprar uma moto nova em 2021.



Janeiro 18, 2021, 13:59:10, 13:59
Responder #24

2low

  • Motociclista: 4 estrelas ❇❇❇❇

  • Offline
  • ****

  • 4126
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Marca Motociclo: Triumph
  • Modelo Motociclo: Sprint ST 1050 ABS (2006)
  • Localidade: Almada
(...)
Desafio-te a explicar que relevância um "tijolo voador" dos anos 80 tem para as escolha de quem decide comprar uma moto nova em 2021.

Para uma pessoa que pretenda comprar uma moto nova em 2021, obviamente que não tem qualquer relevância.
MAS em 2021 há muitas pessoas interessadas em comprar motociclos usados... daí que... seja sempre pertinente abranger todos os motociclistas e não só aqueles que compram novo...
Ou esses mais "pobres" ou por "iniciativa própria de não quererem nada novo" não têm direito a?

Se esses tijolos (ou mesmo mitos  ::P: ) não tivessem interesse já estariam à muito na reciclagem e já não sobraria exemplares sequer a funcionar...
Vai depender de quem seja, porque o gosto é subjectivo e tu também sabes disso.
Mas não desgosto nadinha da tua mito!  :convivio:
(um tijolinho veloz, até na cor)

Mas não atires nos tijolos... coitados...


 :lolol:
« Última modificação: Janeiro 18, 2021, 14:02:34, 14:02 por 2low »


"Coragem é saber o que não temer.", Platão
"Se uma scooter é um aspirador, quantos sacos gasta aos 100?", Alguém

Janeiro 18, 2021, 15:56:14, 15:56
Responder #25

dfelix

  • Motociclista: 4 estrelas ❇❇❇❇

  • Offline
  • ****

  • 4217
Ou esses mais "pobres" ou por "iniciativa própria de não quererem nada novo" não têm direito a?

E achas isso relevante quando o tema em discussão é uma novidade que só será apresentada na próxima semana?  :D

Janeiro 18, 2021, 18:39:09, 18:39
Responder #26

Wonderboy91

  • Motociclista: 2 estrelas ❇❇

  • Offline
  • **

  • 74
  • Marca Motociclo: Yamaha
  • Modelo Motociclo: Tracer
  • Localidade: Caxias
Agora já percebo a defesa dos tijolos camaradas  :D

Venha de lá essa maravilhosa 1200 da triumph para lhe por os olhos....e talvez as mãos em cima  :sportbike: